logotipo
CONTATO
Canal da CBTE no Youtube   Fanpage da CBTE no Facebook   Procura no site   Perguntas Frequentes
14/08/2009
Diretoria Técnica da CBTE vai realizar reunião com os atletas no HSCF
Na ocasião do Torneio HSCF, aproveitando que um grande número de atletas estará presente, a Diretoria Técnica da CBTE vai realizar no dia 28/08 uma reunião para discutir assuntos técnicos para os próximos anos e ouvir sugestões dos atletas.

Nenhuma decisão será tomada na reunião, mas tudo que for discutido será levado à Comissão Técnica para avaliação.

A Diretoria Técnica está relacionando abaixo alguns temas por parte da CBTE que serão discutidos e também vai abrir novos temas propostos pelos atletas, para incluir na pauta. Somente serão aceitos temas que estiverem acompanhados com a respectiva solução ou discriminação da ação sugerida, como estão apresentados os temas da CBTE abaixo. Temas correlatos serão juntados num só. Nenhum assunto fora da Pauta será discutido no momento da reunião.

Os interessados em enviar sugestões de temas, deverão enviá-las via e-mail (brenck@cbte.org.br) até o dia 19/08. Só serão discutidos temas de interesse geral. Temas de interesse particular não serão discutidos nessa reunião. Após analise dos temas sugeridos, faremos a pauta final da reunião, para que todos possam ter conhecimento prévio do que será discutido no dia 28/08. Quem tiver sugestões para os assuntos da pauta, deve anotá-los para o dia da reunião.

Pauta (provisória) da Reunião

Tema 01 – Calendário CBTE para 2010
Será elaborado com 11 provas nacionais, sendo 8 (oito) virtuais (não haverá local sede) e 3 (três) presenciais (todos deverão competir em um único local sede). As presenciais serão na AMAN (uma) e no CNTE (duas). A primeira prova já será no mês de janeiro de 2010. Os torneios regionais (Norte-Nordeste, Centro Brasileiro e Sul Brasileiro) deverão ser escolhidos pelas respectivas federações entre as provas virtuais e determinar qual delas será o torneio regional. Nesta prova, não haverá locais virtuais nos outros estados pertencentes à região, exceto no estado sede do torneio.

Tema 02 – Provas On-Line
Continuaremos com o Provas On-Line, que é um grande sucesso e tem trazido muitas inscrições e novos atiradores para nosso esporte. Os clubes ou federações que se candidatarem a administrar um local virtual deverão possuir requisitos mínimos para a realização das provas, como: máquina de apuração, juízes próprios, pessoal de apoio próprio em numero pré-determinado pela CBTE, estado dos estandes aprovados mediante vistoria da CBTE, etc.

Os custos de realização de uma prova em local virtual deverão ser 100% por conta do administrador do local virtual.

Tema 03 – Ranking
O Ranking continua sendo apurado da mesma forma, considerando as provas em locais virtuais e nos presenciais. O período de apuração continua sendo dos dez meses móveis, porém o número do ranking será agora a média dos 4 (quatro) melhores resultados do período. Essa média valerá também para os Índices Mundo e América.

O Ranking passa a ser um indicador para mostrar aqueles que têm condição de integrar a equipe nacional. Valerá também para a determinação da Equipe Permanente, que é a lista nominal de atletas que atendem aos projetos do COB, para isenção de inscrições nas provas.

Tema 04 – Formação da Equipe Brasileira
As equipes serão definidas através de seletivas, onde estarão participando os 5 (cinco) primeiros do ranking, apurado até 30 dias antes da respectiva seletiva, e que também tenham no mínimo o índice América (agora apurado pela média).

As seletivas serão em número de 4 (quatro) provas, sendo que todos os participantes devem competir juntos no mesmo local. Para as provas seletivas, serão definidas algumas provas do calendário e se fará, nos dois dias que antecedem essas provas, uma das seletivas. A outra será a própria prova da competição. A participação será obrigatória nas 4 (quatro) provas. A classificação será feita pela soma dos 3 (três) melhores resultado das 4 (quatro) provas. O desempate terá como critério:

a) soma dos 4 (quatro) resultados;
b) maior resultado dos 4 (quatro);
c) sorteio.

Para cada prova internacional, a CBTE vai verificar seus recursos e definir quantos atletas e quais modalidades irão representar o Brasil. No entanto, logo depois das seletivas, ficam determinados assim os atletas convocados:

• A primeira vaga vai para o ganhador da seletiva;
• A segunda e terceira, serão a critério da Comissão Técnica entre os classificados da seletiva.

Para a convocação, os índices Mundo ou América serão obrigatórios em pelo menos uma das provas da seletiva. Os atletas que se classificarem atendendo essas condições ficarão no aguardo da definição pela CBTE da equipe brasileira para a respectiva competição internacional.

Tema 05 – Recordes Brasileiros
Vamos determinar que o Recorde Brasileiro só poderá se alcançado nas provas presenciais. Para as provas virtuais será criado o Recorde On-Line. Recordes atingidos até a data da publicação da Norma valerão independente se foram feitos em locais virtuais ou presenciais.

Tema 06 – Comissão Técnica
A Comissão Técnica da CBTE quer incluir como membros, 2 (dois) representantes dos atletas, sendo um de carabina e outro de pistola. Os atletas escolhem 5 (cinco) nomes (5 de carabina e 5 de pistola) e a Diretoria Técnica escolhe cada representante entre os 5 (cinco) indicados.

Ricardo Brenck
Diretor Técnico da CBTE
por: CBTE